Cinderelas Literárias

Mulheres espalhadas pelo Brasil, que amam livros principalmente…

San Andrés: Centro e Lado Leste

Por Débora.

O que fazer em San Andrés?

Tem muitas praias lindas, paradisíacas, perfeitas…

… e tem também uma zona franca livre de impostos. Isso mesmo, a ilha é uma Duty free. Quem tiver dinheiro sobrando, “se joga”. Quem não tiver, faz como eu: cheira todos os perfumes, passa os que mais gostar, vê a coleção nova da MAC, olha o preço e…. compra um, porque ninguém é de ferro!

Sério, muito sério isso! Nas principais avenidas só tem lojas com produtos importados, e muitas, mas muitas lojas de perfumes. Elas estão concentradas na Zona Comercial y Hotelera, na Punta Norte. Esteja muito atento aos horários que elas funcionam pra você não programar seu dia errado. De manhã abrem às 9 horas, fecham 12 horas para o almoço, retornam entre 15:00 – 15:30 horas e fecham às 20 horas. Na ilha faz muuuiiiito calor, então, entrar em algumas lojas traz um certo alívio, uma refrescância, se é que me entendem.

San Andrés tem 26 km2, então não dá pra passear à pé, mas você tem várias opções por lá para se locomover. Na avenida costeira tem muitos locais para se rentar (alugar) um veículo, daí você escolhe: carrinho de golfe, moto ou carro. Os preços também são variados: 70.000 pesos a moto, com abastecimento por sua conta, 90.000 pesos o carro de golfe, com tanque cheio (mas pela aceleração que ia, podia ser bem à pilha) e o carro… vou ficar devendo pra vocês, porque o bom mesmo é ir no carrinho de golfe, mesmo que pareça ser à pilha. Ele é ventilado, tem espaço pra você tirar foto em todos os ângulos, é econômico além de caber em qualquer lugar, sem contar que é divertido, parece um carrinho de bate-bate.

Então, nosso 1 PASSEIO: CONHECER A ILHA

Como eu disse no primeiro post, num dos lados da ilha não tem praia, este é o lado leste, que pode não ter areia, mas tem lindos locais onde se pode tomar banho, fazer snorkel e mergulho com cilindro. Durante o percurso que fizemos vimos várias passarelas que ligam à estrada à água. É quase como um local totalmente particular, porque em muitos deles não haviam ninguém, lógico que não haviam bares ou restaurantes próximos, talvez por isso não houvessem pessoas por lá, mas se eu tivesse lido um post como esse, teria preparado meu kit farofa (isopor, bebidas e lanches) e teria ficado lá, só de bubuia (ficar relaxado na água, sem se mexer, flutuando, boiando).

Este slideshow necessita de JavaScript.

Este foi só o 1º Passeio, ainda tem mais estes:

Hoyo Soplador

Haines Cay

Rocky Cay

Caio Bolivar

Johnny Cay

Las Piscinitas

El Acuario

Bahia Hooker (Manglares)

La Laguna

Cueva de Morgan

Sobre os quais falarei nos próximos posts.

Aguardem!!!

 

Postagens relacionadas:

Diário de Viagem à San Andrés

San Andrés: Passagens e Hotéis

San Andrés: PASSEIOS – COMPLETO

San Andrés: Las Piscinitas – Fotos

San Andrés: Hoyo Soplador, Rocky Cay e Johnny Cay

Anúncios

5 comentários em “San Andrés: Centro e Lado Leste

  1. Pingback: San Andrés: Hoyo Soplador, Rocky Cay e Johnny Cay – CINDERELAS LITERÁRIAS

  2. Pingback: Diário de Viagem à San Andrés – CINDERELAS LITERÁRIAS

  3. Pingback: San Andrés: Passagens e Hotéis – CINDERELAS LITERÁRIAS

  4. Pingback: San Andrés: Las Piscinitas – Fotos – CINDERELAS LITERÁRIAS

  5. Pingback: San Andrés: PASSEIOS – COMPLETO – CINDERELAS LITERÁRIAS

Deixe um comentário apreciamos sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 11/12/2015 por em Turismo e Lazer e marcado , .
Follow Cinderelas Literárias on WordPress.com

Siga-me no Twitter

Instagram

Lançamento em jan 2018!!!!! #juliaquinn #editoraarqueiro  Primeiro livro da duologia Irmãs Lyndon

SINOPSE: Considerada a “rainha dos romances de época” pela Goodreads, Julia Quinn já atingiu a marca de 10 milhões de livros vendidos.

Mais lindo que a lua, primeiro livro da série Irmãs Lyndon, é uma história irresistível sobre reencontros e desafios, romantismo e perseverança.

Foi amor à primeira vista. Mas Victoria Lyndon era a filha do vigário, e Robert Kemble, o elegante conde de Macclesfield. Foi o que bastou para os pais dos dois serem contra a união. Assim, quando o plano de fuga dos jovens deu errado, todos acreditaram que foi melhor assim.

Sete anos depois, quando Robert encontra Victoria por acaso, não consegue acreditar no que acontece: a garota que um dia destruiu seus sonhos ainda o deixa sem fôlego. E Victoria também logo vê que continua impossível resistir aos encantos dele. Mas como ela poderia dar uma segunda chance ao homem que lhe prometeu casamento e depois despedaçou suas esperanças?

Então, quando Robert lhe oferece um emprego um tanto incomum – ser sua amante –, Victoria não aceita, incapaz de sacrificar a dignidade, mesmo por ele. Mas Robert promete que Victoria será dele, não importa o que tenha que fazer. Depois de tantas mágoas, será que esses dois corações maltratados algum dia serão capazes de perdoar e permitir que o amor cure suas feridas? Novo romance da Christina Lauren! Louca para ler! Gostei muito desta história! Totalmene surpreendente! #romancedeépoca #juliaquinn #arqueiro Muitos Hp Trinity College Library
Design by Patrícia
%d blogueiros gostam disto: