Cinderelas Literárias

Mulheres espalhadas pelo Brasil, que amam livros principalmente…

Comentários da Mari: Minha lista de próximas leituras parte 1 de 2.

Por Mariana

Estou com uma lista de próximas leituras, então resolvi compartilhar com vocês!

Quem for lendo ou já leu, me da um feedback do que achou, tá?

E te segura que a lista é enormeeeeeee! Vou fazer dois posts!

primatas

  1. Primatas da Park Avenue, por Wednesday Martin

Quando chegou ao Upper East Side com o marido e o filho pequeno, Wednesday Martin foi jogada em uma tribo superfechada de mães megarricas e glamorosas com ambições altíssimas e determinação ferrenha. Em um mundo onde cumprimentos não são retribuídos, juntar as crianças para brincar é um esporte sangrento e até caminhar pela calçada é um exercício de dominação e submissão, ela sofreu um verdadeiro choque cultural.

Usando seus conhecimentos em antropologia e primatologia para descobrir uma forma de sobreviver, Wednesday fez na Park Avenue de hoje o mesmo que a antropóloga Jane Goodall e seus chimpanzés na Tanzânia da década 1960: passou a observar os rituais de acasalamento, os ritos sagrados e as mães na saída da escola agindo como babuínos. Para entender a migração sazonal, os ritos de culto ao corpo e o desejo avassalador dela própria de possuir uma bolsa que era puro fetiche, a autora se aprofundou nas teorias antropológicas de Margaret Mead.

Sem um distanciamento seguro, porém, uma reviravolta levou a autora a perceber que nem mesmo as coberturas luxuosas e os carrões com motorista conseguiram fazer daquelas mulheres uma tribo insensível à tragédia. Quando sua vida virou de cabeça para baixo, Wednesday testemunhou a força e a profundidade dos laços que, mesmo naquele círculo, a amizade entre mulheres é capaz de construir.

enfim 30

2. Enfim, 30

Em seu novo livro, Camila Fremder e Jana Rosa ajudam a lidar com a vida depois dos trinta sem crise e com muito bom humor. Fazer trinta anos é uma crise? Camila Fremder e Jana Rosa respondem: não precisa ser! Muito pelo contrário, os trinta podem e devem ser maravilhosos. Carreira, relacionamento, ter ou não ter filhos, saúde, vida social, tecnologia, moda, conjunções astrais e numerologia – com um texto sempre bem-humorado, elas falam sobre o que viveram e pesquisaram acerca desses aspectos da vida como mulheres balzaquianas. Depois do sucesso de Como ter uma vida normal sendo louca, a dupla preparou este novo livro que vai trazer verdadeiras iluminações sobre entrar na terceira década e, com muita leveza, ajudar a lidar com as questões que inevitavelmente surgem.

acderno

3. O caderninho de desafios de Dash e Lily – RESENHA AQUI

Lily sente que chegou a hora de se apaixonar. Para achar sua cara-metade, ela vai contar com a ajuda do irmão, que ajuda a garota a criar uma série de tarefas num caderno vermelho. Quem o encontrar, em meio às prateleiras da mais caótica livraria de Manhattan, deve aceitar ou não seu desafio. Dash, um lobo solitário, encontra o moleskine em sua livraria predileta, e os dois ousam trocar sonhos, desafios e desejos nas páginas do caderninho que será achado e perdido sucessivamente nos mais diferentes locais da cidade.

amor nostempos

4. Amor nos tempos de #likes

Os tempos mudaram, mas e o amor? Continua a dar aquele frio na barriga e fazer os jovens atravessarem quilômetros para viver uma paixão? Em O Amor nos tempos de #likes, quatro booktubers se inspiram em três histórias da literatura para criar suas versões de contos românticos na era digital. Uma bela, jovem e famosa youtuber com medo do amor; um casal inesperado em um encontro às escuras (literalmente) e dois meninos apaixonados por livros tentando entender quem são e o que querem são os protagonistas destes contos que evocam Orgulho e Preconceito (Pam Gonçalves), Dom Casmurro (Bel Rodrigues) e Romeu e Julieta (Pedrugo).

maestra

5. Maestra – RESENHA AQUI

Um dos lançamentos mais aguardados de 2016 no mercado internacional, Maestra, da romancista e jornalista britânica L.S. Hilton, traz uma protagonista que já está sendo comparada às personagens femininas de Stieg Larsson e de Gillian Flynn. No livro, Judith Rashleigh se divide entre o trabalho numa prestigiosa casa de leilões em Londres, durante o dia, e como hostess de uma casa noturna para homens. Demitida de seu emprego diurno quando descobre uma pintura falsa, ela suspeita de conspiração, teme pela vida e voa para a Riviera Francesa. O resultado é um thriller eletrizante e com boas doses de erotismo, conduzido por uma protagonista de moral duvidosa. O livro foi comercializado para adaptação para o cinema, antes mesmo de ser publicado, pelo produtor deHomem-aranha e O caça-fantasmas, e terá roteiro de Erin Cressida Wilson (A garota do trem).

lugar para amor

6. Um lugar para o amor – RESENHA AQUI

Ele vivia na solidão do passado… Mas não tardaria para o presente invadir seus dias!

Abandonado pelos pais e separado dos irmãos, Ryan Devaney jamais deixou que alguém se aproximasse demais. Afinal, as pessoas não ficavam por muito tempo… Mas sua sorte muda quando a porta de seu bar irlandês é escancarada por uma ruiva intensa e apaixonada pela vida. Maggie O’Brien decide que chegou a hora de derrubar de uma vez por todas a muralha de gelo em torno do coração de Ryan. Ele insiste em afirmar que não acredita no amor, mas o sorriso radiante e o toque carinhoso de Maggie fazem com que mude de ideia pouco a pouco. Um espírito solitário que encontra conforto… O despertar de sonhos há muito esquecidos… Ryan se dá conta de todo o tempo perdido e agora seu maior desejo é reencontrar os irmãos. Mas ele estaria pronto para aceitar o desafio de Maggie e reservar dentro dele um lugar destinado ao amor dela — para sempre?

a arte de

7. A arte de inventar o amor – RESENHA AQUI

Grace dominava como ninguém a arte de inventar o namorado perfeito…
Não que isso a deixasse desconfortável. Afinal, existem aqueles que se comprazem em olhar vitrines de marcas de grife que não cabem no bolso… Outros, se realizam colecionando fotos de resorts de luxo que jamais irão visitar. Ela apenas criava o homem ideal et voilá!, ficava amiga das meninas mais populares da escola… Ou suportava ter de trocar o pneu furado em meio a uma nevasca imaginando que recebia a ajuda de um verdadeiro gentleman. Quando ela começa a ser cobrada pela família para encontrar um marido, Grace anuncia em alto e bom som que tem se encontrado com alguém… Alguém maravilhoso… Alguém bonito… Alguém completamente ilusório! Mas desta vez ela é convocada a apresentar o novo pretendente – em carne e osso.
Callahan O’Shea, vizinho de Grace, é totalmente o oposto do Senhor Perfeito. Renegado e com um passado que o condena, ele não se encaixa nos devaneios dela. Mas pensando bem, o namorado imaginário bem que poderia ter o corpo de Callahan… Ou o senso de humor afiado dele… Talvez, quem sabe, a mesma inteligência e coração grande! Uau! Não. Callahan O’Shea não poderia ser seu homem perfeito! Mas uma pergunta deixa Grace inquieta. Se Callahan é tão errado, por que ela sente que tudo se encaixa perfeitamente quando estão juntos?

solteirona

8. A Solteirona

Maria Eduarda é uma mulher de quase 30 anos que, na noite de réveillon, decide encontrar o grande amor de sua vida em seis meses. Ao lado de seus amigos envereda nessa louca jornada, passeando por várias boates e marcando encontros por redes sociais. Certa noite ela acaba conhecendo Pedro, que acredita ser seu príncipe encantado, pois é rico e bonito. Mas Pedro tem um segredo porque sempre desaparece, trazendo sofrimento para Duda. Divertida e atual, uma história que fala a linguagem da mulher moderna.

fazendo pose

9. Fazendo pose

Quando Claire procurou a ioga, não sabia bem o que esperar. Queria aliviar a dor nas costas que a incomodava, ter um corpo mais forte e, quem sabe, aquele brilho místico do olhar dos iogues. Com um misto de esperança e descrença, ela deu o primeiro passo rumo a um processo de transformação que jamais imaginara.

Ressentida com o marido, exausta com a maternidade, irritada com a onipresença da mãe e oprimida pelas cobranças da sociedade, Claire estava vivendo um redemoinho de insatisfações. Mas como todos esperavam que ela fosse perfeita, vestia uma máscara de felicidade e seguia adiante.

No entanto, a ioga a colocou frente a frente com suas emoções. Ao ter de permanecer imóvel numa postura, lutando contra o fluxo incessante de pensamentos, o inevitável aconteceu. A angústia que tanto escondia de si mesma veio à tona.

Ela percebeu que o esforço exagerado para superar as dificuldades de cada postura era uma metáfora de sua vida: uma luta constante para provar que era melhor do que de fato se sentia.

Fazendo pose é a história de alguém que superou seus conflitos por meio da ioga e uma fascinante introdução ao universo dessa prática milenar. É, sobretudo, um relato sincero, supreendente e cativante sobre o casamento, a maternidade e a busca de si mesmo.

invernos

10. Os invernos da ilha

Romance de estreia do jovem autor Rodrigo Duarte Garcia – tratado desde já como o Conrad brasileiro

Os invernos da ilha é um livro de aventura, como não há no Brasil, que reúne um herói atormentado (e logo apaixonado), uma ilha fria e hostil escolhida como exílio (num convento misterioso), a descoberta de um diário de piratas (e, assim, a reconstrução de uma incrível história de corsários) e a busca por um tesouro escondido. Como diz Martim Vasques da Cunha no texto de orelha: “Rodrigo já pertence à categoria dos mestres. Os invernos da ilha costura Wallace Stevens, Melville, Conrad, Patrick O’Brien, os filmes de Indiana Jones, Os Goonies – sobrando até mesmo para o compositor Rachmaninoff –, com tamanha habilidade, que o leitor ficará atônito ao perceber que, no meio disto tudo, há a alegria de narrar uma verdadeira história”.

 

Muitas dicas de lançamentos eu pego no blog da Bia, www.booksandbirds.wordpress.com e outras no blog da Clauo, www.maeliteratura.com

Divirta-se e aguarde a parte 2 de 2.

 

Anúncios

Sobre Mariana

Mariana. Gaúcha de Porto Alegre. Mãe, esposa, publicitária, blogueira, apaixonada por fotografia, viagens e ler. Principalmente romances históricos e policiais. Geek de coração, ama Star Wars e Harry Potter.

5 comentários em “Comentários da Mari: Minha lista de próximas leituras parte 1 de 2.

  1. Bia Constante
    22/05/2016

    Oii Mariana, eu entrei no post sem saber que havia mencionado o blog, fico tão contente em saber que segue alguns dos lançamentos através do mesmo, muito obrigada ♥ Adorei conhecer novos títulos, fiquei curiosa principalmente com o “A Solteirona”, deve ser uma leitura bem divertida.
    Beijos ♥

    Curtir

  2. Pingback: Comentários da Mari: Um lugar para o amor de Sherryl Woods | Cinderelas Literárias

  3. Pingback: » Comentários da Mari: Um lugar para o amor de Sherryl WoodsCinderelas Literárias

Deixe um comentário apreciamos sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 22/05/2016 por em Literatura, Novidades e marcado , , , .
Follow Cinderelas Literárias on WordPress.com

Siga-me no Twitter

Instagram

Aqui estamos assim.... e vocês?
Design by Patrícia
%d blogueiros gostam disto: